29/10/2019 - Afresp
Por Afresp

Lideranças tratam de previdência estadual em audiências na Alesp



Representantes de entidades que compõem o FOCAE-SP (Fórum Permanente de Carreiras de Estado) participaram, nesta quinta-feira (24), de audiências na Alesp (Assembleia Legislativa de São Paulo) com o objetivo de ampliar o diálogo com o Legislativo estadual acerca dos direitos previdenciários de servidores públicos.

Durante as reuniões com o presidente em exercício da Alesp, Gilmaci Santos (PRB), com os líderes Teonílio Barba (PT), Carlos Giannazi (PSOL), Marcio Nakashima (PDT), Campos Machado (PTB) e o procurador-chefe Alexandre Kimura, o grupo defendeu pontos que assegurem uma aposentadoria mais justa para os servidores, como a adoção de contra pedágio nas regras de transição, medida que acabou rejeitada para as novas regras válidas em âmbito federal.

O presidente da Afresp, Rodrigo Spada, disse que acredita na necessidade dessa discussão junto à sociedade e às entidades de classe. “Nossas carreiras serão as maiores afetadas com uma reforma previdenciária no estado de São Paulo. As discussões devem levar em consideração a atual situação de tranquilidade fiscal e financeira do estado, ao invés de tentar-se trazer soluções prontas da União, que tem um déficit primário no orçamento, enquanto o estado de São Paulo tem uma condição mais equilibrada. Fazer isso seria como querer encaixar um quadrado num triângulo”, completa Spada.

Além de apresentarem as bandeiras do FOCAE-SP, de valorização do serviço público, os representantes se comprometeram com a elaboração de notas técnicas contendo estudos sobre a previdência e o funcionalismo público para serem entregues aos parlamentares.

Participaram das reuniões Fernando Bartoletti, presidente da Apamagis e coordenador do FOCAE-SP; Paulo Penteado, presidente APMP; Marcelo Luiz Barone, diretor de Previdência da APMP; Renato Kim Barbosa, diretor 1º Tesoureiro da APMP; Rodrigo Spada, presidente da Afresp; Augusto Barbosa, presidente da Apadep; Marcos Nusdeo, presidente da APESP; e Desirée Sepe de Marco, vice-presidente do Sindalesp e diretora de Assuntos Parlamentares da FESSP-ESP.

 

Publicada em 25/10/2019




Notícias mais visitadas nos últimos 30 dias

1 - PLC 26 é aprovado pela Assembleia Legislativa
2 - Mobilização adia votação do PLC 26 na Alesp

.... mais notícias