6/12/2017 - Fespesp
Por Janaina Marquesini

Pereira Calças é eleito novo presidente do TJSP

Marianna Oliveira

Após uma disputa acirrada, o desembargador Manoel de Queiroz Pereira Calças venceu a eleição para presidência do Tribunal de Justiça de São Paulo para o biênio 2018/2019. A votação e apuração foram realizadas no Palácio da Justiça na tarde desta quarta-feira, 6 de dezembro.

Com 213 votos contra 124 do oponente, desembargador Ademir de Carvalho Benedito, o resultado saiu no segundo turno de votação. O desembargador Eros Piceli também esteve na disputa do primeiro turno e ficou com 76 votos.

As disputas pela vice-presidência, Corregedoria-Geral da Justiça e pela Presidência da Seção de Direito Privado foram decididas também em segundo turno. 

Logo após o resultado, Pereira Calças declarou que os servidores serão prioridade em sua gestão e manterá o diálogo aberto apesar das dificuldades da corte diante da crise.

“O que tentaremos fazer é a recomposição de perdas salarias, mas não posso dizer que terão ganhos nos vencimentos” apontou. Entretanto, ele se colocou aberto para o diálogo e garantiu que todas as entidades sindicais e associativas serão ouvidas.

O presidente da Assetj, José Gozze, espera que a vitória da nova cúpula do TJSP represente uma retomada em todas as negociações em curso. “Queremos melhorias nos auxílios, principalmente  na saúde, reposição da inflação e que abra negociações para discutir a pauta de reivindicações dos servidores” disse. 

Em conversa com os eleitos, Gozze ouviu de todos eles que estarão abertos ao diálogo, em especial o presidente, que deixou claro que isso acontecerá imediatamente após sua posse.




Notícias mais visitadas nos últimos 30 dias

1 - Dia Nacional pelo Voto Consciente

.... mais notícias